Brigue por Saúde

Os serviços de Saúde Pública precisam melhorar, claro. Mas, e os serviços privados? Os tais planos de saúde, para quem você paga uma fortuna e é mal atendido quando precisa deles? A Saúde tem solução? Assista a mais um programa MFC NA TV, depois entre no nosso aplicativo e vote. Deixe suas sugestões. A pressão dos usuários – do SUS ou dos planos privados – levarão, certamente, a mudanças importantes. Mobilize-se.

Continue lendo

Menos espera, mais satisfação

ônibus

Saber onde o ônibus está e em quanto tempo vai chegar ao ponto facilita o planejamento do deslocamento urbano, claro. Um estudo investigou e mediu, na prática, os benefícios que tais informações, em tempo real, trazem ao usuário. O trabalho é da pesquisadora Candace Brakewood, da City College of New York (mais informações no City Lab). O objetivo da pesquisa era descobrir de que forma esta tecnologia impactava os usuários do transporte coletivo e as cidades que foram objeto do estudo foram Tampa (Flórida) e Atlanta (Geórgia). Principais conclusões:

Primeiro, o aumento da percepção de confiabilidade no sistema. Brakewood constatou que usuários em Tampa que utilizam o aplicativo de informação são 7% menos frustrados com o tempo de espera pelo ônibus do que os que não usam apps. Continue lendo

Abra espaço na sua cidade

Campanhapaulista

Campanha criada pela rede Minha Sampa quer transformar a avenida Paulista em um grande calçadão, aos domingos. Essa e outras iniciativas para melhorar cada rua, bairro, cidade, estado ajudam a construir espaços mais acolhedores por todo país. Tomar as ruas é preciso. Não só  em tempo de manifestações. Andar pelas ruas é um dos muitos lados bons do exercício da cidadania.

Mas, atenção, Para tomarmos posse desse bem, que é de todos nós,  precisamos que os serviços prestados pelo poder público – transporte, manutenção das vias públicas, segurança – também funcionem. O que você acha desses serviços? O que precisa ser melhorado? Vote aqui e agora no aplicativo do MyFunCity  a ajude a escrever uma nova história.


Continue lendo

Aqui seu voto é direto

Participar das mudanças das cidades brasileiras ficou mais fácil. Agora você pode dar a sua opinião enquanto navega no conteúdo do MyFunCity, pois o aplicativo está presente em todas as matérias. Sem perder tempo e sem complicação.

Não tem segredo. Primeiro, escolha o Estado e a cidade que você quer avaliar. Selecione o tema – vida pessoal, barulho, transporte, vias públicas, prefeitura, câmara, limpeza, custo de vida, saúde, educação, lazer e segurança – ou vote em todos eles. É só clicar na carinha que representa a sua opinião – ótimo, bom, moderado, ruim e péssimo.

Ao compartilhar a matéria, seus amigos também terão acesso ao aplicativo e poderão votar na hora. O efeito multiplicador é instantâneo: em pouquíssimo tempo você, seu grupo de amigos, seu coletivo, movimento, família, colegas de faculdade etc serão vozes cada vez mais fortes para decidir as mudanças e o destino de sua cidade. Experimente. Vote agora! Vote aqui!


Continue lendo

Futebol perde espaço para academia na vida dos brasileiros

Futebol_Rua1

A paixão dos brasileiros pelo futebol continua grande, mas o número de pessoas que faz do esporte uma atividade física de lazer caiu. De 2006 a 2012, o percentual foi de 9,1% para 7,2%, uma redução de 20% em sete anos. O futebol foi ultrapassado pela musculação/ginástica (aumento de 7,9% para 11,2%) e se tornou a terceira atividade física mais praticada nas horas de folga dos brasileiros. Em primeiro está a caminhada (em torno de 18% entre 2006 e 2012).

As informações constam de um estudo do Núcleo de Pesquisas Epidemiológicas em Nutrição e Saúde (Nupens), da Faculdade de Saúde Pública (FSP) da USP, baseado nos dados do Vigitel (Vigilância de Fatores de Risco e Proteção para Doenças Crônicas), um inquérito produzido anualmente pelo Ministério da Saúde por meio de entrevistas por telefone com cerca de 54 mil pessoas, a partir dos 18 anos, nas capitais brasileiras e no Distrito Federal. Continue lendo

Você já avaliou sua cidade hoje?

Não tem segredo. Primeiro, escolha o Estado e a cidade que você quer avaliar. Selecione o tema – vida pessoal, barulho, transporte, vias públicas, prefeitura, câmara, limpeza, custo de vida, saúde, educação, lazer e segurança – ou vote em todos eles. É só clicar na carinha que representa a sua opinião – ótimo, bom, moderado, ruim e péssimo. Vote agora. Vote aqui.


Continue lendo

Ônibus elétrico será testado, a partir de setembro, em Curitiba

imgres
Depois do Rio de Janeiro, Brasília, Sorocaba, Piracicaba e Campinas, agora é a vez de Curitiba testar ônibus movidos exclusivamente a eletricidade. Os veículos – produzidos pela empresa chinesa BYD – têm um consumo de energia 75% menor do que similares movidos a diesel e podem rodar até 250 quilômetros sem uma nova recarga (que é feita em quatro horas). O veículo é do tipo Padron, o mesmo adotado em Curitiba para o sistema Linha Direta, os ônibus conhecidos como Ligeirinhos.

“Temos muito interesse em Curitiba, que exerce um papel de liderança muito grande na área de transporte coletivo e mobilidade”, afirma Adalberto Maluf, diretor de Marketing da BYD. “Curitiba tem um histórico importante no transporte e novos projetos de mobilidade que confirmam esta liderança. É importante que nosso ônibus seja testado nesta cidade”, explica.
E você? O que acha do transporte público de sua cidade? Deixe suas críticas e vote agora.


Continue lendo